&

NaPonta #110 – Ping-pongue com o abismo – Pedro Pastoriz

Nesta edição, Jorge Lz apresentou “Pingue-pongue com o abismo”, de Pedro Pastoriz.

Um disco arrojado, que se impõe paradoxalmente como um déjà-vù repleto de novidades. Ao mesmo tempo em que temos uma sensação de familiaridade com o que estamos ouvindo, somos surpreendidos a cada momento pelos caminhos traçados por Pedro, Arthur Decloedt e Charles Tixier.

Chama a atenção a construção de uma colagem interessante de imagens e de sons, que apaziguam antíteses, sejam elas sonoras, como o orgânico com o eletrônico, ou mesmo sensoriais, como o sonho com a realidade e a tristeza com o humor.

O amadurecimento da linguagem artística de Pedro em “Pingue-pongue com o abismo” com relação aos trabalhos anteriores salta aos ouvidos e isso impacta no disco, constituindo-o em um dos melhores lançamentos do ano.

FICHA TÉCNICA
Produção: Pedro Pastoriz, Arthur Decloedt e Charles Tixier
Mixagem e masterização: Gui Jesus Toledo
Capa: Talita Hoffman

Todas as composições são de Pedro Pastoriz, exceto “Faroeste dançante”, feita em parceria com Fausto Fawcett e “Lydia réplica”, em parceria com Lydia Del Picchia.

MÚSICOS
Pedro Pastoriz: voz, violão, guitarra
Charles Tixier: MPC, sintetizadores, programações e percussões
Arthur Decloedt: contrabaixo elétrico e acústico, sintetizadores e cordas midi
Tomas Oliveira: taças em “Fricção”
Lydia Del Picchia: voz em “Lydia réplica”
Fausto Fawcett: voz em “Faroeste dançante”

Deixe uma resposta